Um dia...

Um dia...

Um homem estava sentado com seu pai em um banco no terreiro de sua casa, ele lendo um jornal, e seu pai apenas, sentadinho fazendo companhia. Passado alguns minutos, o pai vê um passarinho bicando uma arvorezinha, e perguntou ao filho:
- O que é isso?
Um Pássaro. Disse o filho.
Passado uns minutos, o pai reforçou:
- O que é aquilo?
Um pássaro. Respondeu Novamente.
Mais tarde, a mesma pergunta:
- O que é aquilo?
Estressado e Furioso, o filho responde com grosseria:
Porque você está fazendo isso? Já te disse que é um pássaro.
Calmamente, o pai levanta e vai em direção a parta da casa e o filho perguntou aonde estava indo, somente disse que esperasse. Momento mais tarde, o pai voltou com um caderninho e pediu para que o filho lesse, em voz alta. Estava escrito a seguinte história:
Certo dia, eu estava sentado com meu filho numa praça, e ele avistou um pássaro, e me perguntou o que era aquilo. Eu o respondi. E meu filho fez essa mesma pergunta 21 Vezes, e respondi 21 vezes, e todas essas vezes, eu respondia-o e abraçava-o, pois respondia com amor, sabendo a inocência de uma criança!... Chorando muito o filho abraçou o seu pai sem pensar.

Boa Tarde!
These icons link to social bookmarking sites where readers can share and discover new web pages.
  • Digg
  • Sphinn
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Mixx
  • Google
  • Furl
  • Reddit
  • Spurl
  • StumbleUpon
  • Technorati

Leave a comment